Cantor descobriu a doença em 2017 e estava internado em São Paulo para tratamento um câncer no estômago.

Wagner Domingues Costa, o Mr Catra, que nos deixou na tarde deste domingo (9) em decorrência de um câncer gástrico. O cantor e compositor estava internado no HCor (Hospital do Coração), em São Paulo, e já vinha lutando contra a doença”, diz o texto.

Ainda no comunicado, a equipe do músico pede respeito à dor da família. — A informação foi dada a família pelo cirurgião oncológico, Dr. Ricardo Motta, por volta das 15h20 da tarde. Catra deixou três esposas e 32 filhos. Neste momento de sofrimento, agradecemos o carinho, cuidado e compreensão dos amigos da imprensa, e pedimos, gentilmente, para que respeitem o momento de tristeza da família.

O cantor descobriu a doença em junho 2017 após sentir dores na região abdominal e se submeter a exames de rotina.

Com sua voz cavernosa e defensor do papel libertário da música, Catra acumulou hits comerciais com letras sacanas, como “Adultério” (versão de “Tédio”, do Biquíni Cavadão), “Vem todo mundo” e “Uh papai chegou”. Através de seu apadrinhamento, ajudou a revelar outros nomes de ponta do gênero, como Tati Quebra-Barraco e Gaiola das Popozudas, grupo de onde saiu Valesca. Foi com ela que Catra gravou outro grande sucesso, o despudorado “Mama”.

Sua trajetória foi contada em documentário (“90 dias com Catra”), livro (“”A estética funk carioca: criação e conectividade em Mr. Catra”, da antropóloga Mylene Mizrahi) e inúmeros programas de televisão.

Mr Catra sofria de um câncer
Mr Catra sofria de um câncer
Mr. Catra segue em tratamento de câncer em São Paulo
Mr. Catra segue em tratamento de câncer em São Paulo Foto: Reprodução/Instagram