Um acerto de contas com o tráfico de drogas é a principal hipótese investigada pela Polícia Civil para tentar esclarecer o motivo e a autoria do duplo homicídio na noite da última terça-feira-feira (12), em um condomínio no bairro Cidade Jardim na rua F25, Q157, L02, em Parauapebas.

Segundo a polícia, quatro homens armados entraram no apartamento e efetuaram os disparos contra as vítimas, por volta das 22h. Que morreram no local.

 

 Até do fechamento da matéria somente um dos homens mortos foi identificado, como Paulo Henrique Moreira da Silva, de 25 anos. Paulo Henrique tinha passagens pela polícia.

No imóvel foi encontrado uma grande quantidade de drogas, isso reforça mais ainda, a possibilidade de uma disputa de pontos de vendas de drogas.

Fotos/Polícia Militar

A Polícia Civil investiga o caso.